SH-SHIRTES-Seguradora-Seguro-de-carro-financiado-1

Como funciona o seguro de carro financiado

Você tem dúvidas sobre como funciona o seguro de carro financiado? Com o preço dos carros no Brasil em alta, cada vez mais brasileiros tem optado pelo financiamento. Se esse é o seu caso, fique conosco e aprenda tudo sobre essa modalidade de seguro.

Mesmo sendo uma das formas mais comuns de adquirir um bem mais caro, ainda existem dúvidas a serem esclarecidas quanto ao seguro de carro financiado. No Brasil o valor dos automóveis tem subido cada vez mais, o que tem tornado cada vez mais distante o sonho de comprar um automóvel zero quilômetro.

Assim, o financiamento tem sido uma das formas mais usadas para comprar um carro no Brasil hoje em dia. Primeiramente devido aos produtos oferecidos pelos bancos, que facilitam o crédito e a realização dessa conquista. Mais e mais brasileiros optam por financiar a compra de um imóvel, viagens e o carro zero quilômetro. Entretanto, na hora de contratar um seguro, algumas questões precisam estar esclarecidas.

Se você não entende como funciona o seguro de carro financiado, o seu sonho do carro zero quilômetro pode ser desfeito no caso de um sinistro como roubo do seu veículo ou acidentes que resultam em perda total.

SH-SHIRTES-Seguradora-Seguro-de-carro-financiado

Por que preciso contratar especificamente um seguro para carro financiado?

O seguro de carro financiado é tão importante quando o seguro de um carro quitado, mas alguns pontos precisam ser levados em conta.

Como a grande maioria da população não tem um poder aquisitivo elevado a ponto de comprar um carro à vista, em geral as pessoas optam por fazer um financiamento na hora de comprar um carro, seja por meio de bancos ou na própria montadora de veículos.

O financiamento pode ser feito de acordo com as condições do comprador, sendo então relativa à quantidade de parcelas ou o tempo de contrato entre o banco e o financiado. É muito comum que os financiamentos de bens de valor elevado sejam feitos num período de no mínimo 2 anos ou mais.

Se este for o seu caso, você precisa se perguntar o seguinte:

  • Se meu veículo for roubado ou acometido por uma perda total causada por um acidente, vou ter condições de arcar com o restante das parcelas do financiamento e com o prejuízo causado pelo sinistro?
  • O seguro do meu carro vai cobrir todas as despesas, inclusive as parcelas do financiamento?

Estas são questões importantes que devem ser conversadas no momento da contratação do seguro de carro financiado.

Por este motivo, aconselhamos você a entrar em contato com uma seguradora confiável e que você saiba que será transparente quanto às condições da apólice em casos de sinistro do seu carro financiado.

É muito importante que seu corretor de seguros tenha acesso a algumas informações que serão cruciais na ocasião de um desses sinistros, para que o segurado não se sinta lesionado pela seguradora. Nossa equipe de profissionais está pronta para encontrar o melhor seguro de carro financiado para você, sem surpresas ou pegadinhas! Entre já em contato conosco e faça o seu orçamento.

Atenção para as parcelas do financiamento

A informação mais importante que você precisa entender é sobre o pagamento das parcelas restantes do seu financiamento na ocasião de um sinistro do veículo.

Veja bem, se o seu carro financiado estiver valendo hoje R$ 50 mil reais, de acordo com a tabela FIPE, este será o valor da indenização em casos de roubo ou perda total. Mas se o sinistro acontecer antes da quitação do financiamento, você terá que arcar com o restante das parcelas, mesmo que o veículo não esteja mais em sua posse.

Vamos dar alguns exemplos para que você consiga entender de maneira simplificada. Se você ainda precisa pagar R$ 20 mil para a instituição que financiou seu veículo, na ocasião do sinistro, você deverá optar por duas formas de indenização do seguro de carro financiado:

  1. A primeira alternativa é a do assegurado assumir a quitação das parcelas, e receber o valor cheio do seu carro, segundo a tabela FIPE. Dessa forma, você terá os R$ 50 mil de indenização da seguradora, para arcar com os prejuízos do sinistro, mas ainda terá que arcar com as parcelas restantes do financiamento.
  2. A segunda alternativa de indenização é a de passar para a seguradora a responsabilidade de quitar as parcelas do seu financiamento, com o valor da indenização, e receber o valor que restar. Seguindo o exemplo acima, se o valor de indenização for de R$ 50 mil reais, e suas parcelas de financiamento resultarem em R$ 20 mil reais, a seguradora irá quitar seu financiamento e devolver o valor restante de R$ 30 mil reais.
SH-SHIRTES-Seguradora-Seguro-de-carro-financiado-3

Vale a pena contratar um seguro de carro financiado?

É importante que você entenda que o seguro de carro financiado terá os mesmos benefícios de qualquer outro seguro de carros quitados. As únicas ressalvas que devem ser observadas no momento do contrato com sua seguradora são: as parcelas e a previsão de quitação do seu financiamento de veículo.

A compra de um carro, seja ele usado ou zero quilômetro é uma conquista muito grande para muitos brasileiros. Por este motivo o seguro de carro financiado deve ser uma das prioridades de todo comprador, afinal, você deve poder andar com a tranquilidade de que imprevistos e situações ruins indesejadas podem acontecer a qualquer momento.

Com o seguro de carro financiado você terá o auxílio e a segurança como de um seguro de carro quitado, diminuindo as chances de perder seu bem conquistado. Para mais informações, entre em contato com um de nossos corretores de seguros através deste site ou dos contatos disponíveis abaixo.

Shirtes Pereira, 60, é técnico em edificações e bacharel em administração de empresas e economia(82/84). Em 1979 começou a trabalhar na Itáu Seguradora se tornando empresário oito anos depois, em 1987. Shirtes também é professor da Escola Nacional de Seguros (FUNENSEG) onde atua desde 2000. É também fundador e mentor do Clube dos Corretores de Seguros da Região de Rio Preto (CORRERP). No seu vasto currículo, conta também com a diretoria regional de Rio Preto do SINCOR-SP (98/2007) e coordenador da comissão técnica da PROMESEG(2007/2014). Além de coordenador e palestrante do Programa Cultura Seguro (2002/2003).

Leave a Comment

Your email address will not be published.

Scroll to Top
× Olá, em que Posso Ajudar?